Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Redação

Tópicos

Revista de imprensa internacional sobre o que foi dito depois do FC Porto-Chelsea (0-2), na primeira mão dos quartos de ultimate da Liga dos Campeões

“O FC Porto, grande ‘outsider’ destes quartos de ultimate, fez tudo… exceto vencer. Intensidade, pressão, oportunidades… mas nunca conseguiu bater Mendy. A ausência de Sérgio Oliveira e Taremi foi demasiada. Um vazio impossível de preencher” – As, Espanha

“Um resultado dececionante para os Dragões, que mereciam não só o empate, mas marcar para manterem-se na eliminatória. Os homens de Tuchel mostraram a pontaria afinada. No pouco que criaram, marcaram É por isso que eram os favoritos, embora no campo não parecesse ser assim. Dizer que o FC Porto merecia marcar, é uma verdade La Palisse” – Sport, Espanha

“O Chelsea venceu por 2-0, apesar do domínio geral dos dragões. O FC Porto recebeu uma lição de realismo de Chelsea. A equipa de Sérgio Conceição poderia ter beneficiado de dois penáltis, após faltas de Cesar Azpilicueta sobre Luis Díaz (52) e Moussa Marega (72) que não foram assinaladas pelo senhor Vincic. Mas não foi o árbitro que causou a derrota dos Dragões, mas a sua incapacidade de converter nos melhores momentos” – L’ Équipe, França





Supply hyperlink

Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial