Depois de Victor Iturriza – MVP da última jornada europeia – também António Areia e Diogo Silva fizeram a antevisão do Aalborg-FC Porto (quarta-feira, 17h45, FC Porto TV/Porto Canal). Já no reduto do campeão dinamarquês, os atletas às ordens de Magnus Andersson falaram com as plataformas televisivas portistas para perspetivarem a segunda mão dos oitavos de closing da Liga dos Campeões de andebol. Na ótica de Areia, o plantel portista tem “noção da importância” da partida e “foi nesse sentido” que treinou pela primeira vez na Jutlander Financial institution Enviornment. A vantagem de três golos (32-29) trazida da Invicta não é garantia de nada, pelo que Diogo Silva assegura: “Com certeza que daremos o nosso melhor”.

António Areia
“As sensações são sempre boas. Estamos expectantes por jogar fora para a Liga dos Campeões, ainda por cima tendo noção da importância deste jogo. Estamos tranquilos, cientes da importância do jogo, mas foi nesse sentido que trabalhámos hoje. Eu costumo dizer que estas eliminatórias se decidem nos pormenores e este jogo não vai fugir à regra. Sabemos que o sete contra seis deles é forte, porque têm jogadores com uma excelente capacidade de tomar decisões, excelentes executantes e finalizadores. Mas acho que o principal foco tem de estar no que podemos fazer para sairmos com a vitória. Nós não pensamos nos golos que podemos sofrer ou temos de marcar, o nosso objetivo é claro: ganhar o jogo e passar aos quartos. Estudámos bastante a transição ofensiva desta equipa e estamos cientes de que, no Dragão Enviornment, se calhar eles não fizeram um jogo ao melhor nível. Acreditamos que amanhã será diferente e que eles vão jogar com muita velocidade, que vão correr em cima de nós e acho que é um aspeto que aprendemos no jogo. Levámos uma vantagem não muito alargada para o intervalo, depois começámos a falhar, e eles jogando fora de casa começaram a acreditar que seria possível. Temos de estar cientes de que vão ser 60 minutos de trabalho árduo. Temos de estar unidos e trabalhar em equipa para, no closing, não só passarmos aos quartos de closing mas também ganharmos o jogo. Temos recebido bastantes mensagens de apoio e de força para o jogo de amanhã. Quero agradecer esse apoio aos adeptos, porque muitas vezes podemos não responder, mas recebemos todo esse carinho e é também por eles que temos estes objetivos. Estamos ansiosos que eles possam vir, agora não podem, mas é por eles que vamos fazer este trabalho.”

Diogo Silva
“Está a ser bom para nos adaptarmos ao pavilhão, fizemos uma boa viagem e sentimo-nos bem. Temos trabalhado umas últimas coisas do jogo e sentimo-nos preparados para o que aí vem. Já conhecemos bem a equipa do Aalborg, analisámos muito durante os treinos, fizemos muitas sessões de vídeo, mas claro que aprendemos muito a jogar contra eles. Sabemos que temos de ter cuidado com a transição, algo que eles não fizeram tanto no primeiro jogo e achamos que podem usar mais agora e com certeza que daremos o nosso melhor agora. Temos de estar todos a pensar no mesmo, que é ganhar e superar esta equipa. Se formos a pensar na diferença de três golos vamos andar sempre sob pressão e não pode ser. Temos que entrar para ganhar, para ter a certeza de que não deixamos qualquer dúvida e que não existe qualquer probabilidade de sermos eliminados. Por isso vamos entrar para ganhar como sempre. Tenho-me sentido tremendous bem, aprendo com malta muito experiente e de grande qualidade. Sinto-me bem, a evoluir e espero continuar daqui para a frente. Esperamos continuar a ter o apoio dos adeptos, infelizmente ainda não podem vir aos pavilhões, mas temos sentido bastante o adeptos e espero que eles continuem a apoiar-nos.”





Supply hyperlink

Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial