Toni Martínez e Evanilson partiram para esta temporada com tremenda ambição, apesar dos saltos na carreira que viveram no último defeso aconselharem prudência na definição de objetivos.

 

Atualmente, espanhol e brasileiro vivem um contexto de personagens secundários, mas têm lutado vivamente para ainda virem a receber papéis de maior protagonismo na atual campanha dos azuis e brancos, espreitando, por exemplo, a possibilidade de poderem fazer dupla com Marega no primeiro choque com o Chelsea, dos quartos de last da Champions, no qual Taremi está impedido de jogar devido a castigo imposto pela UEFA.

 

Pode existir foco de motivação maior?

 

Leia mais na edição impressa ou digital de A BOLA





Supply hyperlink

Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial