Imprensa do país vizinho também enalteceu o desempenho de Pepe frente à Juventus, na terça-feira.

O FC Porto eliminou a Juventus da Champions, garantiu a presença nos quartos de closing e Pepe foi uma das grandes figuras do encontro que terminou com a vitória “bianconera” por 3-2, insuficiente para derrubar os dragões na eliminatória da prova milionária.

A exibição do experiente central, de 38 anos, teve eco um pouco por todo o mundo e, além dos muitos elogios recolhidos em Inglaterra, também a imprensa de Espanha – onde Pepe jogou durante dez anos – não passou ao lado da atuação do internacional português.

O diário Marca salienta o número de cortes efetuados (foram 18) pelo jogador nos 120 minutos – mais compensação – do duelo com a Juve e destaca o alívio, em forma de pontapé de bicicleta, feito por Pepe aos 123 minutos de jogo, em cima do apito closing: “38 anos, 18 cortes e uma ‘chilena’ aos 123′ para tombar o amigo Cristiano”, pode ler-se no título do artigo dedicado ao defensor.

“Com 38 anos e uma ‘ferida de guerra’ deu uma prova de resistência heroica no estádio da Juventus, para colocar o FC Porto entre as oito melhores equipas da Europa. (…) O ex-jogador do Actual Madrid manteve à margem o seu amigo Cristiano Ronaldo, incapaz de encontrar a baliza, tanto na primeira mão como na segunda. A atuação descomunal de Pepe em Turim merece menção especial, apesar da derrota por 3-2. A sua bicicleta aos 123 minutos, a desfazer o último ataque da Juve, exemplificou a sua superioridade whole na grande área”, escreve a Marca na edição on-line.

“Pepe saltou, foi ao choque, corrigiu erros… Ninguém aguentou com ele. Nem sequer o deslumbrante Federico Chiesa, que prometia um desfecho feliz para a Juve”, acresenta o jornal do país vizinho. Pepe, recorde-se, representou o Actual Madrid entre 2007 e 2017.





Supply hyperlink

Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial