Redação

Tópicos

E também a Francisco J. Marques, diretor de comunicação e informação do FC Porto.

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol (secção não profissional) informou esta sexta-feira que foi instaurado um processo disciplinar a Pinto da Costa, presidente do FC Porto, e Francisco J. Marques, diretor de comunicação e informação do clube.

“Instauração de processo disciplinar a Jorge Nuno de Lima Pinto da Costa, por deliberação da Secção Não Profissional, de 12 de fevereiro de 2021, na sequência de participação disciplinar apresentada pela Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol, tendo por objeto declarações proferidas a órgãos de comunicação social”, surge mencionado do comunicado, a propósito do líder dos dragões.

Recorde-se que após o encontro da primeira mão das meias-finais da Taça de Portugal, em Braga, que terminou empatado a um golo, Pinto da Costa surgiu na sala de imprensa e deixou críticas à equipa de arbitragem liderada por Luís Godinho. “Basta. Nós vamos dizer aqui solenemente: basta. Queremos paz no futebol, mas não provoquem mais, não brinquem mais com o esforço dos jogadores, do treinador e dos adeptos do FC Porto”, disse na altura.





Supply hyperlink

Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial